Qualificação01 - FotoMBoe

Outubro/2019
“Fotografar é viver dos acertos e erros!”
Nove anos no ar!
Iniciado em: 01/10/2010
Novo visual e facilidade de acesso!!!
Ir para o conteúdo

Qualificação01

Equipamento > Compacto

Câmeras - 01
Compactas Simples, intermediárias e avançadas.

• Com o avanço da fotografia digital, a cada dia que passa, as câmeras estão chegando com mais recursos para superar dificuldades e até auxiliar o fotógrafo amador.
• Como já foi destacado o tamanho do sensor é o maior inconveniente, mas a tecnologia tem compensado e conseguido fazer com que sensores bem menores do que as full frame capturem com maior qualidade e quantidade de luz, consequentemente as suas cores.
• O ideal é ter pelo menos uma câmera compacta intermediária e não uma simples, pois esta possui recursos equivalentes aos existentes nas profissionais. É óbvio que estes não chegam aos mesmos limites das profissionais, não produzem a mesma qualidade final de imagem e não possuem a possibilidade de ajustes finos manualmente.
• Nos nossos dias uma câmera compacta com apenas zoom digital limita a ação do fotógrafo. Por sua vez, as compactas intermediárias possui zoom óptico, pelo menos de 3X, lentes de melhor qualidade, entre outros itens.
• Vale um comentário, a compra de uma câmera compacta intermediária só vale a pena se desejar trabalhar não apenas com o modo automático, ou seja, opte pelo modo manual também.
• Como não há um número maior de opções quanto às possibilidades de boas imagens em ambientes com iluminação desfavorável serão reduzidas.
• O ISO geralmente é baixo, ISO máximo 400, portanto qualquer imagem ajustada para o ISO máximo terão muitos ruídos ou grãos (granulada).
• As cores capturadas serão poucas, prejudicando a qualidade final da imagem, pois haverá pouco contraste e variação tonal.

Câmeras Compactas I


• As câmeras compactas têm suas vantagens e suas desvantagens, como todo equipamento dos nossos dias, por exemplo, o computador (PC) é mais robusto, mas é inadequado para o transporte. O notebook já é mais fácil de ser transportado, mas também tem suas vantagens e desvantagens. Por fim, o tablet é pequeno, portável, mas tem pouca memória não serve para editar imagens de maneira mais profissional...
• Com os equipamentos compactos das boas marcas como Canon, Nikon, Panasonic, Samsung, Sony, Pentax, Kodak, entre outros, são sempre as melhores opções. Geralmente estes fabricantes não possuem equipamentos compactos simples, mas a partir dos compactos intermediários com zoom óptico, boas lentes, sensor maior, diafragma, tela de LCD maior etc.
• Os equipamentos compactos simples não possuem zoom óptico, geralmente as lentes são de baixa qualidade, o sensor é extremamente pequeno e com uma quantidade de pixel elevada, na maioria das vezes por interpolação. A maior vantagem é o preço, mas há grande perda em recursos e ajustes. O ISO geralmente é de no máximo 400.
• Esses equipamentos não processam a luz adequadamente prejudicando a qualidade final da imagem.
• Os equipamentos compactos intermediários por sua vez tem a vantagem de serem menores que os compactos avançados, reflex e full frame, nesse caso facilitam o transporte. O sensor é de bom tamanho e capturam uma quantidade maior do espectro luminoso, consequentemente maior número de cores. Possuem lentes fixas zoom variam de 3X até 8X e flash embutido. O flash tem alcance aproximado de dois metros.
• Tem opção de ajustes mais finos como ISO mais alto, entre 50 e 1600, possuem diafragma, obturador mais preciso, balanço de branco, um ou mais pontos de foco etc. Todos possuem cabos para conexão com o computador USB, com uma televisão, para carregamento da bateria (quando este não utilizar pilha). 
• Por sua vez, os equipamentos compactos avançados possuem mais recursos e ajustes mais próximos dos profissionais, mesmo em equipamentos mais antigos. O zoom óptico varia também entre 3X e até 12X. São um pouco mais pesadas que os anteriores, mas podem ser transportados no bolso de uma camisa, em uma bolsa de cinto, na bolsa... As lentes destes equipamentos são de excelente qualidade e as imagens capturadas possibilitam impressão de alto nível e qualidade. São ideais para entusiastas, pessoas que desejam melhor qualidade, gostam de pesquisar soluções e ajustes, curtem fotos macro, panorâmica etc. O ISO pode chegar a 1600. Esses equipemtos permitem colocar filtros e até extensores para zoom e macro.
• São ideais para aquelas pessoas que querem ousar, obter imagens inusitadas, desejam melhor qualidade final, pretendem fazer ampliações e até copiá-las em papel em grandes dimensões.
  • Vamos começar pelas câmeras compactas simples, elas são as piores opções, a não ser para aqueles ou aquelas que querem aprender e para crianças. Como já destacamos, elas tem sensores pequenos e que capturam uma gama menor do espectro luminoso (consequentemente menor quantidade de cores), não possuem diafragma, o obturador é simples e de baixa qualidade, as lentes são ruins, o flash embutido tem pouco alcance, geralmente até um metro e meio, não possuem zoom óptico. Não são resistentes à queda, choque e à água. Mesmo tendo uma resolução elevada isso não significa qualidade final da imagem, muito ao contrário, a qualidade final é ruim porque o valor elevada da resolução ocorre por interpolação, ou seja, por meio de um software (método artificial). As ampliações não tem qualidade, brilho, boas áreas de contraste, variação cromática e tonal baixa, pouca nitidez etc. Usam apenas pilhas alcalinas ou recarregáveis.

  • Por sua vez, as câmeras compactas intermediárias tem a desvantagem de não possuírem recursos mais arrojados, geralmente usam pilha de alcalina, recarregáveis. Alguns modelos usam bateria, mas a desvantagem é que acompanha o equipamento apenas um jogo de bateria. O zoom óptico é de pouco alcance e geralmente poderá ser utilizado integrado ao zoom digital. Este último deve ser evitado pela qualidade final da imagem, pois o zoom digital apenas recorta uma área da imagem criando a sensação de ampliação.

  • Já as câmeras compactas avançadas tem a desvantagem seu peso, tamanho e a grande quantidade de recursos. Como os manuais sempre são ruins, mal escritos e difíceis de serem entendidos, dificultando o ato de aprender a utilizar os recursos disponibilizados e exigir maior tempo de aprendizado. Não é um equipamento para aqueles que são acionadores do botão disparador, pois utilizá-los no modo automático é jogar dinheiro fora. O preço final é outro inconveniente, muitas vezes sendo mais caro do que um equipamento reflex (aqueles que tem lentes intercambiáveis).

SOBRE OS DIREITOS AUTORAIS:

• Todos os direitos reservados! É proibido imprimir, copiar, distribuir (mesmo a título de gratuidade), encartar, reproduzir (por qualquer meio mecânico, eletrônico, digital, fotográficos, filme, e vídeo), sem a devida autorização fornecida por escrito pelo proprietário do Site FotoMBoé.com. Todas as imagens (desenhos, pinturas, ilustrações, fotografias, vídeos etc.), textos, slides show, galerias, apresentações (em Flash, exe, html etc.) foram produzidas por Vivaldo Armelin Júnior que é o detentor dos direitos autorais.
• É permitida a abertura exclusiva online, qualquer outra possibilidade é necessário autorização por excrito, como acima descrito. Contato por e-mail.

São Paulo - SP, Brasil
Voltar para o conteúdo