Tema - Igreja01a - FotoMBoe

Agosto/2019
“Fotografar é viver dos acertos e erros!”
Oito anos no ar!
Iniciado em: 01/10/2010
Ir para o conteúdo

Tema - Igreja01a

Dicas & Sugestões > Técnica e Cuidado

Por: Vivaldo Armelin Júnior

• Nesta subseção abordaremos o “tema” como elemento de captura de imagens fotográficas. As igrejas (edificações) serão o primeiro tema a ser analisado.
• Todas as capturas nesse momento foram e serão feitas com equipamento compacto, uma maneira de apresentar sugestões que favoreçam a captura diferenciada e interessante, ou seja, sair do comum.
• A busca do diferencial proporciona a capturas de imagens que tenham um grande significado, permite uma leitura mais completa e agrade aos olhos.
• Capturar imagens de igrejas não é tão fácil como parece, problemas com o seu tamanho, fiação na sua frente, a perspectiva acentuada, entre outros problemas. Alguns destes podem ser resolvidos no momento da captura, outros apenas na pós-produção com o uso de um software.
• Estes não precisam ser pagos e muitas vezes caros, nem piratas, muitos são grátis, como já indicamos em outras seções do FotoMBoé.
• Na imagem ao lado, tirada do alto do Morro do Cruzeiro, em Aparecida - SP, tem-se uma perspectiva não comum e geral da Basílica de Nossa Senhora da Conceição Aparecida.
• Chega de falatório, vamos ao trabalho!
• A captura poderá ser em cor, escala de cinza, P&B, monocromática, ou ainda, com algum efeito especial. No exemplo acima uma captura em cor e outra em escala de cinza, há uma grande diferença de leitura entre elas.
• Esta imagem foi capturada no entardecer destacando a beleza da luz natural e da artificial sobre as paredes da igreja.
• Muitas vezes é importante corrigir a perspectiva, como nas imagens acima, para essa correção foi usado o Gimp, em “Ferramentas” e “Perspectiva”. Basta arrastar a grelha que é exibida sobre a imagem e por fim, clicar no botão transformar, em seguida em “Arquivo”, “Exportar”. 
• É importante lembrar que a opção “Salvar” e “Salvar como...”, o resultado do ato de salvar será no formato do próprio Gimp, este ato salvará a imagem para posterior ajuste e ou edição no Gimp.
• É preciso tem calma e controle, não o faça apressadamente.
• É muito interessante fotografar em planos variados, mais fechados e mais abertos. Os detalhes não podem ser esquecidos.
• Fotografar na posição paisagem ou retrato para melhorar a composição e seu enquadramento. Muitas vezes é importante fazer a captura no modo retrato para destacar a grandiosidade do monumento arquitetônico, no nosso exemplo, igrejas.
• Bom trabalho e pesquisa!
São Paulo - SP, Brasil
Voltar para o conteúdo